CUPÃO: BEE50 | Black & Yellow Friday

A OMS sobre o uso do CBD

A OMS decidiu que a CDB não é viciante, não é prejudicial para a saúde e tem propriedades terapêuticas potenciais.

A OMS sobre o uso do CBD
Tardarás en leer este post tan solo 6 min

A OMS SOBRE O USO DO CBD: NÃO É VICIANTE NEM PREJUDICIAL À SAÚDE E TEM UMA MULTIPLICIDADE DE PROPRIEDADES TERAPÊUTICAS

“Existem provas preliminares de que o CBD pode ser um tratamento útil para condições médicas […] epilepsia, ansiedade, doenças inflamatórias, dor, náuseas, etc…”

Isto é afirmado pelo Comité de Peritos em Dependência de Drogas da Organização Mundial da Saúde. Este comité reuniu-se em Genebra (Suíça) de 6 a 10 de Novembro de 2017 para analisar o potencial terapêutico, os efeitos adversos e a potencial dependência do CBD. O organismo publicou um relatório contendo as conclusões dos peritos em canabidiol.
Para além de reconhecer o potencial do CBD no tratamento da epilepsia e de outras doenças, recorda  “não faz parte da lista das Convenções Internacionais das Nações Unidas sobre o Controlo de Drogas de 1961, 1971 ou 1988”. Isto significa que: As Nações Unidas não consideram este canabinóide da Cannabis uma droga.

Este relatório da Organização Mundial da Saúde é um passo importante no caminho para a Cannabis medicinal, pois abre a porta a novas investigações baseadas no potencial terapêutico do CBD.

Ponto por ponto resumimos a seguir a análise e as conclusões tiradas por esta comissão.

RESUMO DA ANÁLISE DE PERITOS DO CBD 

  1. O CBD não é viciante nem prejudicial à saúde: Note-se que, de acordo com estudos com animais, não foi identificada qualquer tolerância e não foram relatados quaisquer estudos que indicassem dependência física. Foi identificado o efeito oposto. As doses não afetam o aumento da liberação da dopamina. Quanto às consequências do potencial abuso desde canabinóide, segundo a estimulação intracraniana analisada em ratos, não foram encontrados efeitos adversos devido ao uso abusivo do CBD. Dos estudos médicos utilizados em seres humanos, concluiu-se que o CBD desperta o mesmo vício que o placebo. E que o canabidiol por si só não produz qualquer efeito psicoativo ou cardiovascular significativo. Concluem também que o CBD não produz quaisquer consequências negativas de abusos.
  2. Não gera alarme social:
    No segundo ponto do relatório da OMS, reconhece-se que não foi identificada qualquer preocupação pública sobre a utilização do CBD ou acidentes relacionados com esta substância. 
  3. O CBD tem potencial como substância medicinal.
    O relatório salienta que vários estudos de investigação avançada demonstraram a sua eficácia contra a epilepsia e encerra uma lista de outras doenças para as quais o CBD poderia ser útil.

 

TABELA DE DOENÇAS PARA AS QUAIS O CBD PODE TER BENEFÍCIOS TERAPÊUTICOS. (FONTE: OMS)

4. Impacto da substância
Com base nas provas, o relatório da OMS conclui que o CBD não é psicoativo, não é viciante e tem usos terapêuticos promissores, e recomenda continuar a investigação.

Lê o relatório completo aqui

CBD, O CANABINÓIDE QUE ESTÁ A LEGALIZAR A CANNABIS

O óleo de cânhamo tem sido vendido em ervanárias e mercearias há muito tempo. Mas o CBD tem uma história diferente: Na Europa já é legal na Suíça e no Reino Unido, mas a onda do CBD está a tornar-se global. Este canabinóide já foi retirado da lista de proibições da Agência Mundial Antidoping, ao permitir aos atletas profissionais consumir CBD desde 2018. Desta forma, a Cannabis, que não tem mais de 0,2 níveis de THC, está a sair das listas proibidas das organizações internacionais e a tornar-se um aliado para o condicionamento físico dos atletas.

Empresas especializadas em CBD começam a emergir tanto a nível nacional como internacional, o que augura o avanço da regulamentação e o crescimento potencial do sector, ao comercializar produtos dermocosméticos com CBD como cremes hidratantes com CBDmel com CBDbálsamos com CBDbálsamos labiais com CBD especialmente óleo de CBD.

CÓMO É UTILIZADO OU ADMINISTRADO O CBD?

O consumo do CBD é baseado numa terapia personalizada de acordo com cada indivíduo e a razão de utilização em cada caso específico, ao considerar o quadro regulamentar de cada país. Como regra geral, o canabinóide não tem efeitos adversos conhecidos em qualquer dose terapêutica, embora isto não exclua a existência de certas interações farmacológicas a serem consideradas.

A ação do princípio ativo depende sobretudo da sua cinética no organismo, sendo o processo de libertação o mais influente. Neste caso, a libertação oral significa que a ação demora mais tempo (o efeito não começa antes de 30-90 minutos) e é também mais prolongada (até cerca de 4 horas). A ação tópica tem uma ação localizada e pode ser benéfica para o tratamento de doenças inflamatórias da pele tais como dermatite, eczema, psoríase e acne.

Com base numa multiplicidade de ensaios clínicos e pré-clínicos que tiveram lugar sobre o sujeito, recomenda-se o consumo de ensaios e erros durante vários dias para permitir uma melhor correcção no julgamento do consumidor. As doses mais pequenas ao longo do dia são preferíveis a uma dose única de maior quantidade ou concentração da substância.

Atualmente, em países onde a regulamentação do CBD é avançada, os consumidores optam principalmente por formatos como o óleo de CBD, comercializado em várias concentrações, mais comummente desde Óleos CBD 3% até Óleos CBD 30%

Description

Óleo restaurador com 25% de CBD e CBG (5:1) enriquecido com melatonina e terpenos calmantes.

Natural ingredients
100%
Ideal for
Zzzzz
CBD quantity
1000 MG CBD, 250 MG CBG e 1000 MG TERPENOS - 25%,

Óleo Nocturno

39,90 Iva incluido

5ml
Description

ÓLEO DE SEMENTES DE CÂNHAMO COM CBD 10%.

Natural ingredients
100%
Ideal for
REDUZIR A DOR OCASIONAL DE INTENSIDADE MÉDIA-ALTA.
CBD quantity
1000 mg - 4 mg/gota

ÓLEO DE CBD FORTE 10%

47,00 Iva incluido

10ml (0.33 fl OZ.)
Description

ÓLEO DE SEMENTES DE CÂNHAMO COM CBD 20%.

Natural ingredients
100%
Ideal for
REDUZIR A DOR CRÓNICA E DE ALTA INTENSIDADE.
CBD quantity
2000 mg - 8 mg/drop

ÓLEO DE CBD FORTE+ 20%

89,00 Iva incluido

10ml  (0.33 fl OZ.)

No The Beemine Lab somos especializados na produção de produtos com mel e CBD. Se quiseres saber mais sobre o CBD, consulta a nossa revista.

CBD y la Ansiedad
CBD y Artrosis
CBD para Dormir
CBD y los Dolores Menstruales
CBD y la Dermatitis Atópica
CBD y Fibromialgia
El Sistema Endocannabinoide
Beneficios del CBD para el deporte
¿Qué es el CBD? Historia, beneficios y propiedades

Fuentes:

  1. Annex 1- Extract from the Report of the 41st Expert Committee on Drug Dependence: Cannabis and cannabis-related substances. 2019
  2. CANNABIDIOL (CBD) Pre-Review Report. Expert Committee on Drug Dependence. Thirty-ninth Meeting. Geneva, 6-10 November. 2017
Telmo Guell (Autor)

Empreendedor, designer e economista. Se dedica ao desenvolvimento de negócios sociais, e inovação aplicada à saúde. Aprendiz de apicultura. Atualmente focado na investigação do nível macroeconômico da Cannabis e seu impacto no campo da criação de empregos, criação de riqueza e bem-estar social.

SABER MÁS

ARTÍCULOS RELACIONADOS

Leave a Reply

Assine a nossa newsletter e receba 10% de desconto no seu primeiro pedido. Respeitamos a sua privacidade
SEU CARRINHO
Your cart is emptyReturn to Shop